top of page

Mergulho e Arte

Interpretação do mito de Narciso por uma produtora de imagens subaquáticas


'Narcisse' é uma bela ilusão cinematográfica e uma interpretação contemporânea de um mito clássico sobre como o ego está levando a humanidade a se afogar em sua própria imagem. É hora de enfrentar nosso destino, hora de dar as mãos e acordar antes do fim. Uma colaboração entre Julie Gautier e Behind the Mask.


O Mito


Segundo Ovídio, Narciso era um rapaz plenamente dotado de beleza. Seus pais eram o deus do rio Cefiso e da ninfa Liríope. Dias antes de seu nascimento, seus pais resolveram consultar o oráculo Tirésias para saber qual seria o destino do menino. E a revelação do oráculo foi que ele teria uma longa vida, desde que nunca visse seu próprio rosto.


Narciso cresceu, e se transformou um jovem bonito de Beócia, que despertava amor tanto em homens quanto em mulheres, mas era muito orgulhoso e tinha uma arrogância que ninguém conseguia quebrar. Até as ninfas se apaixonaram por ele, incluindo uma chamada Eco que o amava incondicionalmente, mas o rapaz a menosprezava. As moças desprezadas pediram aos deuses para vingá-las. Para dar uma lição ao rapaz frívolo, a deusa Némesis, (aqui como um aspecto de Afrodite) o condenou a apaixonar-se pelo seu próprio reflexo na lagoa de Eco. Encantado pela sua própria beleza, Narciso deitou-se no banco do rio e definhou, olhando-se na água e se embelezando. Depois da sua morte, Afrodite o transformou numa flor, Narciso. (wikipedia)

106 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page